[2024] 1° LOTE: cadastrados na lista até o dia 17/10 terão desconto de R$1.200
e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

[2024] 1° LOTE: cadastrados na lista até o dia 17/10 terão desconto de R$1.200 e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

Lote 3 da AM: você tem até o dia 19/01 para se matricular
com 20% de desconto e parcelar em até 11x sem juros

Lote 3 da AM: você tem até o dia 19/01 para se matricular com 20% de desconto e parcelar em até 11x sem juros

[2024] Black Friday da AM: vagas abertas até o dia 8/12 com 25% de desconto
e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

[2024] Black Friday da AM: vagas abertas até o dia 8/12 com 25% de desconto e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

amblog-white

Entenda o seu perfil de aprendizagem para obter melhores resultados nos seus estudos

Não é tão difícil encontrar pessoas que vendem o “caminho perfeito para aprendizagem” e criam uma rotina de estudos que não se adequa aos diferentes estilos de aprendizagem. Como consequência, pessoas que compram esses planos e que não aprendem da mesma forma, acabam se frustrando e não tendo resultados positivos.

As videoaulas dão muito certo para o estilo de aprendizagem visual. | Foto: Freepik.

Estilos de aprendizagem

Nem todo mundo aprende da mesma forma. Tem pessoas que precisam escrever para aprender um conteúdo, já outras que precisam conversar sobre a matéria para assimilar. Essas diferentes formas de aprender recebem o nome de “estilos de aprendizagem” e existem 4 principais.

A importância de saber qual é o seu estilo de aprendizagem

É muito complicado (e cansativo) adotar um estilo de aprendizagem que não é o seu. Muito provavelmente o seu tempo será perdido e você não irá assimilar praticamente nada do conteúdo. É exatamente nesse sentido que está a importância de saber o seu perfil de aprendizagem, pois, só com ele, os seus estudos terão resultados realmente eficientes.

Diferentes estilos de aprendizagem

Confira quais são:

Visual

O estilo de aprendizagem visual é, como o nome sugere, aquele em que os instintos visuais têm maior apelo para você. É possível considerar que pessoas que se encaixam nesse estilo costumam ter uma memória fotográfica mais aguçada, e guardam informação hierarquizada na mente.

Quem tem aprendizado visual costuma aprender muito com gráficos, imagens, mapas e tudo que pode ser explorado com a visão. As vídeo aulas, nesse sentido, são um ótimo caminho para aqueles que se identificam com este estilo de aprendizagem.

Auditiva

Neste caso, o conhecimento é melhor absorvido se os estímulos dele forem sonoros. Dessa forma, quem integra este grupo costuma aprender melhor ao ouvir palestra, ouvir o professor falando em sala, escutar podcast e conversar sobre determinado assunto.

Os integrantes do estilo de aprendizagem auditivo são pegos com bastante frequência conversando consigo mesmos para obter algum conhecimento. Uma boa dica é gravar estas conversas para ouvir repetidamente e, assim, guardar ainda mais conteúdos na mente.

Cinestésica

Quem tem um estilo de aprendizado cinestésico usa todos os 5 sentidos para aprender. Como consequência, a forma mais fácil de assimilar conteúdo para essas pessoas é por meio da prática. Isso ocorre pela possibilidade de acompanhamento dos processos por inteiro quando se coloca a mão na massa.

É muito comum que pessoas com esse estilo de aprendizado se deem bem em matérias como artes, que costumam ter muita atividade prática. Para matérias mais teóricas, a melhor maneira de acumular conhecimento é por meio dos exercícios.

Leitura e escrita

O estilo de aprendizagem por meio da leitura e da escrita tem certa influência na visão, uma vez que os integrantes desse grupo também costumam ter uma boa memória fotográfica. Entretanto, este é um estilo específico, pois ilustrações, por exemplo, não têm tanto apelo.

A leitura é o ponto principal de aprendizagem e a escrita vem para a complementação e fixação do conteúdo na mente. Pessoas deste grupo costumam fazer resumos e fichamentos com bastante frequência e anotam todas as informações que acham importantes durante as aulas.

Como descobrir qual desses é o seu estilo de aprendizagem?

A melhor forma de descobrir qual é o seu estilo de aprendizagem é por meio da experimentação. Atualmente, existem alguns testes com profissionais psicólogos que conseguem te dar um direcionamento, entretanto, a experimentação ainda é o caminho mais adequado.

Para uma definição precisa, pode ser legal escolher um tema e separar um dia para estudar de uma forma específica. Na segunda-feira, por exemplo, tentar o estilo visual, na terça-feira o auditivo e por aí vai. Ao final do dia, é interessante fazer uma espécie de mini prova para ver qual dos estilos surtiu maior efeito para você.

Diferentes métodos de aprendizagem

São eles:

Método Vark

Todos os estilos de aprendizado apresentados (visual, auditiva, cinestésica e leitura e escrita) foram idealizados pelo professor neozelandês Neil Fleming no ano de 1992 e correspondem ao Método Vark de aprendizado.

Algo muito interessante sobre este Método é que os estilos de aprendizado não são nem permanentes nem rígidos. Existem pessoas que transitam sem nenhuma dificuldade entre vários desses estilos em dias diferentes, outros tiverem um estilo no começo da vida e agora aprendem de outro jeito, também existem pessoas que aprendem com mais de um estilo e outras que só aprendem com um específico, ou seja, não existe uma regra fixa.

Método Kolb

O Método Kolb deriva-se de um teoria de 1976, do professor americano David Kolb. O teórico definiu a partir de seus estudos, um ciclo de aprendizado que possui quatro estágios: experiência concreta, observação reflexiva, conceituação abstrata e experimentação ativa.

Estes estágios vão se alterando de acordo com o humor do estudante e os sentimentos no momento da aprendizagem. A partir deles, foram definidas quatro formas de aprendizagem: acomodador, convergente, assimilador e divergente.

Os acomodadores são aqueles que aprendem melhor por meio da prática, estes costumam preferir conhecimentos novos; o convergente também gosta da prática, mas ele prefere assistir uma simulação do que colocar as próprias mãos na massa; o assimilador gosta de reunir e organizar as ideias para que façam sentido em sua cabeça e o divergente se destaca pela criatividade.

Método Honey-Alonso

O psicólogo Peter Honey e a doutora em educação Catalina M. Alonso estudaram quais são os fatores que influenciam na construção da forma de aprendizagem das pessoas. A partir daí, eles construíram um ciclo de aprendizagem que leva em consideração o passado do indivíduo, os conhecimentos obtidos de forma individual e a experiência prévia com o assunto e, então, surgiu o Método Honey-Alonso.

Dentro desse ciclo foram definidas quatro formas de aprendizagem: ativo, que são os que gostam de novas experiências e curtem desafio; o reflexivo, que são os que observam o cenário, exploram todas as possibilidades e analisam a situação antes de cair de cabeça; o pragmático, que são as pessoas que gostam da prática, e o teórico, que gosta de conhecer assuntos a fundo antes de emitirem qualquer tipo de opinião.

E aí? Já sabe qual desses estilos de aprendizagem é o seu? Seja qual for, é crucial contar com uma boa equipe de professores para atingir o seu objetivo. Nesse sentido, com A Mentoria Enem, você tem acesso ao melhor curso preparatório para o Enem e vestibulares.

Gostou do conteúdo?🤔

Então compartilhe com seus amigos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

📄 Últimas notícias

📚 Informativos

Gostou do conteúdo?🤔

Então compartilhe com seus amigos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Outros artigos que podem te interessar

cropped-Icone-fundobranco.png

Publicado por Amentoria
29/09/2023

cropped-Icone-fundobranco.png

Publicado por Amentoria
28/09/2023

amblog

O melhor lugar para você encontrar conteúdos GRATUITOS que vão te ajudar no Enem.

Nossos produtos

Fale com nosso comercial

contato@amentoriaenem.com.br

Seg a Sex das 08:00 às 18h

Todos os Direitos Reservados 2021 | Amentoria Enem