[2024] 1° LOTE: cadastrados na lista até o dia 17/10 terão desconto de R$1.200
e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

[2024] 1° LOTE: cadastrados na lista até o dia 17/10 terão desconto de R$1.200 e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

Lote 3 da AM: você tem até o dia 19/01 para se matricular
com 20% de desconto e parcelar em até 11x sem juros

Lote 3 da AM: você tem até o dia 19/01 para se matricular com 20% de desconto e parcelar em até 11x sem juros

[2024] Black Friday da AM: vagas abertas até o dia 8/12 com 25% de desconto
e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

[2024] Black Friday da AM: vagas abertas até o dia 8/12 com 25% de desconto e garantia de reembolso TOTAL no caso de aprovação pelo SISU 2024.1

amblog-white

O que é Metabologia Confira tudo sobre essa especialidade médica

Você conhece a especialidade médica chamada metabologia? Ela, junto com a endocrinologia, irá tratar de todos os distúrbios e patologias que podem atrapalhar o andamento do metabolismo humano.

Confira, a seguir, mais sobre metabologia o que é, o que é preciso para um médico se tornar um especialista dessa área, em quais áreas este profissional pode atuar e qual a sua remuneração.

metabologia
A endocrinologia e a metabologia andam juntas como especialidades médicas. | Foto: Freepik.

O que é Metabologia?

Para saber de metabologia o que é, pode ser interessante entender primeiro de onde vem a palavra. O termo “metabologia” se refere ao metabolismo. Com essa informação já fica mais claro que a metabologia é a especialidade médica que trata de todas as patologias e ou distúrbios que ocorrem no metabolismo humano. 

O metabolismo humano, por sua vez, corresponde a todos os mecanismos químicos que ocorrem dentro do corpo para que todas as funções possam ser executadas pelo organismo em questão. Nesse processo, há o desenvolvimento e a renovação de estruturas celulares e o corpo vai funcionando. A digestão, por exemplo, é uma das ocorrências mais visíveis do metabolismo em funcionamento. 

Atualmente, o médico metabologista também é endocrinologista, uma vez que a formação para essa especialidade é dupla. Assim, além de diagnosticar e tratar doenças relacionadas ao mau funcionamento do metabolismo, esse especialista também lida com possíveis alterações hormonais que podem acontecer no corpo humano. 

A atuação dessas duas especialidades andam juntas pois vários dos processos metabólicos são comandados e regulados pelos hormônios. Algumas alterações de hormônio, por exemplo, fazem com que o corpo acabe ganhando peso muito facilmente, e isso só ocorre por problemas nas funções do metabolismo. Dessa maneira, o trabalho de ambas as especialistas está sempre se encontrando e andando juntas. 

Especialidade médica em Metabologia

Para se tornar um médico metabologista (e endocrinologista) é preciso investir no mínimo 10 anos de estudo. Os primeiros 6 anos serão dedicados à graduação em medicina, sendo esse o tempo mínimo de faculdade, podendo aumentar de acordo com as diretrizes da universidade. 

Depois dos 6 anos, sendo um médico graduado e com diploma, este profissional precisa fazer mais dois anos de residência médica em clínica médica. Esta é uma necessidade oriunda do fato da residência médica em endocrinologia e metabologista ter este pré-requisito e não ser de acesso direto. 

Por último, o profissional que já é médico especializado em clínica médica precisa fazer mais 2 anos de residência médica em endocrinologia e metabologista para, então, poder atuar nessa área. Sendo, portanto, 6 anos de graduação, 2 de residência em clínica médica e mais 2 em endocrinologia. 

Importante mencionar que essas residências médicas possuem uma bolsa de auxílio que custa cerca de 3.000 reais, ou seja, o médico irá estudar e será remunerado por isso. Além disso, o profissional também poderá atuar como clínico médico durante o processo.

O que o médico Metabologista faz?

Os médicos especializados em metabologia possuem três principais caminhos: trabalhar na pesquisa e na docência, realizando mestrado e doutorado e trabalhando como professor nessa área; trabalhar no ambulatório ou no consultório, acompanhando queixas, passando exames e fazendo diagnósticos ou pode trabalhar como plantonistas de emergência, para solucionar casos mais graves de forma mais rápida.

Como já foi explicado, a especialização de metabologia é a mesma da endocrinologia e, por isso, um mesmo médico pode exercer os dois papéis. Quem determina as diretrizes no campo de atuação desses profissionais é a Associação Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, podendo atuar no diagnóstico e tratamento de doenças como a doença de tireoide, diabetes e distúrbios de crescimento e puberdade. 

Falando mais especificamente da parte da metabologia, o médico dessa área irá ficar responsável pelos distúrbios que podem acontecer no metabolismo humano, que é o conjunto de funções feitas pelo corpo, assim, se alguma dessas funções não estiver ocorrendo da maneira correta o médico especializado em metabologia deverá intervir e fazer um diagnóstico do caso. 

Este profissional terá a responsabilidade crucial de descobrir quais são os distúrbios ou os hábitos que estão causando esses problemas metabólicos. Os principais casos são de doenças como hipertensão (a famosa pressão alta), sobrepeso, hiperglicemia (que é o excesso de açúcar no sangue), tabagismo, histórico de diabetes na família, insuficiência renal, mais de 40 anos de idade, apneia do sono, uso ou contato com substâncias nocivas, insônia e acidente vascular cerebral (AVC). 

Sendo um médico que trabalha no ambulatório e ou no consultório (o que é o mais comum para essa especialidade), o acompanhamento de caso geralmente é feito por meio de exames. Nessa especialidade, os exames mais comuns, além dos que medem hormônios, são as ultrassonografias, tomografia e ressonância, todos feitos nos glandulares específicos.

Quanto ganha um médico Metabologista?

Atualmente a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia possui cerca de 4.300 profissionais da área registrados no órgão. Mesmo que nem todos os médicos dessa especialidade tenham se registrado, esse é um número bem pequeno quando levado em consideração todos os médicos atuantes no Brasil. 

Dessa maneira, é possível concluir que essa não é uma especialidade extremamente concorrida no mercado de trabalho, muito contrário, pode até estar em falta. Determinar um número fechado para quanto ganha esses médicos é bem difícil já que isso vai variar de instituição para instituição, de tempo de carreira e do currículo deste profissional.

Ainda com tantas variações no salário do médico metabologista, é possível considerar que a média brasileira da remuneração desses profissionais é de 8.000 reais, sendo apenas 25 horas semanais trabalhadas. 

Geralmente os médicos dessa especialidade não ficam somente nos 8.000 reais, e sim separam outro tempo de trabalho para se dedicar a clínicas particulares e até fazer plantões, principalmente porque 25 horas semanais trabalhadas é relativamente pouco. 

A especialidade de metabologia exige uma boa base na graduação em medicina. No Brasil, o caminho mais seguro para essa base é fazer faculdade em uma universidade pública, e a maioria delas tem sua porta de entrada no Enem. Para tirar uma boa nota nessa que é uma das principais provas anuais, conheça os cursos preparatórios para medicina do A Mentoria.

Gostou do conteúdo?🤔

Então compartilhe com seus amigos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

📄 Últimas notícias

📚 Informativos

Gostou do conteúdo?🤔

Então compartilhe com seus amigos.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Outros artigos que podem te interessar

cropped-Icone-fundobranco.png

Publicado por Amentoria
29/09/2023

cropped-Icone-fundobranco.png

Publicado por Amentoria
28/09/2023

amblog

O melhor lugar para você encontrar conteúdos GRATUITOS que vão te ajudar no Enem.

Nossos produtos

Fale com nosso comercial

contato@amentoriaenem.com.br

Seg a Sex das 08:00 às 18h

Todos os Direitos Reservados 2021 | Amentoria Enem